domingo, 24 de dezembro de 2017

Wenceslau Braz encerra ano com muitas projeções para 2018



2017 chega ao fim com o município de Wenceslau Braz passando por uma fase ímpar em sua história, com grandes mudanças e, principalmente, repleta de ações e obras por parte do poder público que mudarão a vida de milhares de pessoas, como a ampliação do sistema de tratamento e coleta de esgoto e a pavimentação de ruas.
As obras encerram este ano como uma espécie de resumo de tudo que foi a administração pública neste ano: voltada para ações planejadas e que visem o bem estar de toda a população, e não apenas de uma camada da sociedade.
A obra de saneamento básico, por exemplo, é uma conquista histórica para o município. O projeto, que estava há anos parado em Brasília, foi liberado após intervenção direta do deputado federal Sérgio Souza (PMDB) e já entregou a primeira parcela dos quase R$ 9 milhões que serão investidos para elevar a cobertura sanitária dos atuais 28% para cerca de 70% do município.
Já as obras de pavimentação realizadas este ano foram antigas reivindicações da população brazense finalmente atendidas pela prefeitura, como os casos das Quinta e Nagib Maluf, na Vila Velha, recape da Rua Anibal Andraus, na Vila Santa Maria (realizada no começo do ano) e recape nas ruas ao redor do fórum (realizadas no meio do ano). Esta semana teve início a pavimentação do Jardim Pôr do Sol, com a colocação do manilhamento que fará o escoamento das águas pluviais.
“Tivemos grandes obras logo neste primeiro ano de mandato, fruto de uma gestão séria, comprometida com a população e não preocupada em entregar obras às vésperas de eleições. Também destaco a atuação dos nossos deputados parceiros, que sempre têm buscado recursos e projetos para o nosso município”, pontua o prefeito Paulo Leonar (PDT), em referência à atuação dos deputados Marcio Pauliki (PDT) e Alexandre Curi (PSB), além do já citado Sérgio Souza.

Se a revolução no quesito saneamento básico se faz extremamente importante para elevar os índices atrasadíssimos neste aspecto e trará reflexos em toda a comunidade – especialmente na área da saúde – as obras de pavimentação começam a suprir o alto déficit de Wenceslau Braz na infraestrutura urbana. Atualmente são cerca de 13 quilômetros de ruas não pavimentadas. Em janeiro, além das ruas não pavimentadas, existiam outras tantas em péssimas condições de tráfego.
Projeções

E para 2018 as projeções são das mais otimistas, com a expectativa de grandes investimentos e avanços consideráveis. Começando pela construção de um novo centro cirúrgico do Hospital São Sebastião, que deve ter início em abril, além de projetos habitacionais e inúmeras obras e projetos que estão protocolados nos governos estadual e federal, dependendo apenas da aprovação dos mesmos para saírem do papel.
“Todo primeiro ano de mandato tem suas dificuldades, e nós reconhecemos que tivemos as nossas, temos nossos problemas, com certeza, mas temos muito mais coisas boas do que dificuldades, mesmo com toda a crise econômica nacional e um estado crítico que encontramos a prefeitura, sucateada e atrasada em muitos aspectos. Agora, para 2018 será tudo diferente, porque conseguimos organizar e modernizar a estrutura, para enfim trabalharmos do jeito que a população merece e precisa”, garante Paulo Leonar.

TEXTO: LUCAS ALEIXO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você achou desta matéria???

As Mais Clicadas do Mês!

As Mais Recentes!

Destaque!

Subir