sábado, 16 de dezembro de 2017

Mulher vai à delegacia registrar furto e é presa pela morte do ex-namorado

Na madrugada desta sexta-feira (15), uma mulher foi registrar um furto na Delegacia de Paranavaí, no noroeste do Paraná, e acabou presa pela morte do ex-namorado, segundo a Polícia Civil.
Ela chegou no local por volta de 1h30. O policial de plantão encontrou um mandado de prisão em aberto contra ela, expedido no fim de novembro.
Ainda de acordo com a polícia, a mulher foi condenada pela morte de um ex-namorado com que teve um filho.
O CRIME
O crime foi registrado em Cornélio Procópio, no norte do estado, em novembro de 2013. Segundo a acusação, ela foi à sapataria onde o ex-namorado trabalhava, jogou tíner no corpo dele e ateou fogo. O homem foi internado, mas morreu no hospital.
Conforme a polícia, a mulher foi condenada pelo júri popular, mas recorreu da decisão e aguardou o julgamento do recurso em liberdade. No meio tempo, ela se mudou para Paranavaí.
Neste ano, o recurso foi negado e um mandado de prisão foi expedido contra ela, que deve cumprir 18 anos de prisão pelo homicídio, segundo a polícia.

FONTE: O Diário

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você achou desta matéria???

As Mais Clicadas do Mês!

As Mais Recentes!

Destaque!

Subir