sábado, 23 de dezembro de 2017

Cidade espera esgoto há 28 anos

Em pleno século 21, o município de Jundiaí do Sul não possui sequer um metro de rede de esgoto. Além dos graves problemas ambientais, os moradores também sofrem com os sérios riscos à saúde por conta da exposição do material poluente de responsabilidade da Sanepar, que, desde 1989 detém a concessão para exploração dos serviços de saneamento básico na cidade, mas até agora nada investiu na captação e tratamento dos efluentes residenciais.
É o caso do produtor rural José Augusto Lourenço, 40, que há um ano e meio convive com a situação e, mesmo denunciando o problema aos órgãos competentes não vê solução para o vazamento do esgoto de 19 casas populares em sua chácara, na Vila das Flores, problema que acabou com sua criação de peixes e obrigou sua mulher e dois filhos a se mudarem do local. “Perdi minha fonte de renda, e o convívio diário com minha família”, lamenta.
Lourenço explica que como em toda a cidade, a Vila das Flores também não possui rede de esgoto, e que o material das fossas sépticas armazenado em duas caixas com capacidade de 15 mil litros, cada, que deveria ser coletado diariamente pela prefeitura chega a se acumular durante dias. “Antigamente, o esgoto corria a céu aberto até chegar ao Ribeirão Jundiaí, o que motivou uma denúncia contra a prefeitura e, consequentemente a compra de um pedaço da minha propriedade para a instalação dos reservatórios. No entanto, os tanques não são esgotados da maneira correta, e por conta disso, todos os dias um rio de esgoto corta a minha chácara e deságua na represa onde até pouco tempo eu criava peixes como meio de sustento a minha família. Já tentei de tudo para solucionar o problema, mas infelizmente ninguém fez nada até hoje”, lamenta.
O drama é generalizado, segundo os moradores. O Município não consegue atender a todos os habitantes da zona urbana, com isso, é comum os vazamentos em toda cidade. A comunidade estranha que a Sanepar, quase três décadas depois de assinar contrato de exploração da rede de saneamento, até agora nada investiu na coleta e tratamento de esgoto. “Depois de muita luta, consegui, na minha administração, que a Sanepar fizesse o projeto da rede e tratamento de esgoto, que custou R$ 650 mil. Depois que saí da prefeitura ficou tudo parado”, conta o ex-prefeito Márcio Leandro Domingues, o Marcinho do Saleto, lamentando a situação.
Fiscalização
Na manhã de quarta-feira (22), uma equipe da Polícia Ambiental esteve na chácara do produtor e registrou a ocorrência. De acordo com o comandante da PA na região, subtenente Claudio Henrique Cavazzani, o caso será levado ao conhecimento do Grupo Especializado na Proteção ao Patrimônio Público e no Combate à Improbidade Administrativa (Gepatria), braço do Ministério Público Estadual (MP-PR), responsável pela Ação Civil Pública movida contra o município na gestão anterior em função do problema denunciado pelos moradores da Vila das Flores.
Outro lado
O prefeito Eclair Rauen (DEM) reconhece as reclamações do produtor rural José Augusto Lourenço. Ele informou que sua equipe está empenhada para solucionar o problema junto à Sanepar, e que a situação dos moradores da Vila das Flores deve ser resolvida no primeiro semestre de 2018.
“Estou na Sanepar, em Curitiba, tratando justamente deste assunto. O problema é antigo, porém, não podemos mais continuar convivendo com esta situação. Trata-se de danos graves à saúde da população e ao meio ambiente”, salienta. “Existe um projeto pronto para a instalação da rede de esgoto no município, e as questões para a execução das obras estão sendo tratadas. Em relação à situação na Vila das Flores, está prevista a instalação de um sistema de tratamento de esgoto naquela região que irá beneficiar cerca de 300 moradores. Além disso, a prefeitura deve adquirir mais um caminhão limpa fossa no início do ano para amenizar o problema até que ele seja definitivamente resolvido”, assegura.

FONTE: Jornal Tribuna do Vale
FOTO: Antônio Picolli

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você achou desta matéria???

As Mais Clicadas do Mês!

As Mais Recentes!

Destaque!

Subir