quinta-feira, 2 de novembro de 2017

Região poderá ter extensão do Hospital do Câncer



A cidade de Santo Antônio da Platina poderá ter uma extensão do Hospital do Câncer. A Informação foi repassada pelo prefeito do município José Coelho, o Zezão, na noite desta quarta-feira, 1, em seu gabinete durante reunião com o deputado federal Alex Canziani. Também participaram o vice prefeito Chico Amorim, os vereadores Vermelho e Genivaldo, os ex vereadores Gil Martins e Cacão e “Nego Baterias” que é voluntário da instituição na cidade.
“Eles visitaram nossa cidade e temos uma grande possibilidade desta ação poder acontecer”, comenta o prefeito Zezão. A diretoria do Hospital de Câncer solicitou um terreno, mas ao ver o prédio onde está construído a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) interessou pelo local. “Não temos condições financeiras de poder manter esta Unidade”, complementa o prefeito.
Para o repasse do prédio para a instalação da extensão existem trâmites burocráticos. A Unidade de Pronto Atendimento foi construída pelo Governo Federal para o funcionamento da UPA, mas para outra finalidade é necessário o ressarcimento da construção aos cofres da união que giram em torno de R$ 2,8 milhões.
“Estamos numa situação que temos o prédio, poderia ser utilizado para outra finalidade que iria atender todos os municípios do Norte Pioneiro, mas é necessário o ressarcimento do valor. Infelizmente não temos este dinheiro disponível”, explica Zezão.
O deputado federal Alex Canziani destacou que irá agendar uma reunião com o Ministro da Saúde Ricardo Barros na próxima semana para debater sobre o assunto. “É necessário saber quais as possibilidades deste pagamento ou transferência de finalidade. Isto se torna primordial para um planejamento”, comenta o deputado federal.
O prefeito destaca que após a conversa com o Ministro será convocada uma reunião extraordinária com os prefeitos da Associação dos Municípios do Norte Pioneiro (AMUNORPI) para repassar todas as informações e solicitar apoio com os deputados federais e estaduais que atendem os municípios para regularizar a situação. “Atualmente centenas de pessoas necessitam ir para Curitiba ou Londrina para atendimento ou entrega de remédio. Com esta extensão, muitas viagens serão feitas mais perto e amenizando a dor destas pessoas que precisam deslocar por vários quilômetros para este atendimento”, finaliza o prefeito de Santo Antônio da Platina Zezão. 





Vai divulgar a matéria no seu veículo de comunicação?? Coloca o crédito do texto para: MARCOS JUNIOR 

Veja mais notícias no Facebook: https://www.facebook.com/groups/177792156070124/
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você achou desta matéria???

As Mais Clicadas do Mês!

As Mais Recentes!

Destaque!

Subir