segunda-feira, 25 de setembro de 2017

CISNORPI apresenta projeto a nível estadual



O Consórcio Público Intermunicipal de Saúde do Norte Pioneiro (CISNORPI) apresentou na última semana o modelo de Atenção às Condições Crônicas (MACC) para outros consórcios do Estado do Paraná. A ação foi à convite da Secretaria Estadual de Saúde (SESA) e tem como foco pacientes com hipertensão e diabetes de alto e muito alto risco.
A médica Maria Carolina Magalhães Serra, especialista em medicina da família e comunidade, foi quem apresentou o projeto nomeado como “Sintonia tem como diferencial a educação permanente e o auto cuidado compartilhado”. Além disto, o projeto também conta com a cobertura assistencial dos médicos especialistas endocrinologista Klaus Lourenço Crespo Médico e Maria Thereza Almeida Fagundes e o médico cardiologista Wilma Gervásio Caetano juntamente com uma equipe multiprofissional. “Eles atuam numa atenção contínua voltada ao plano de cuidados, diminuindo a progressão da doença crônica nos pacientes dos municípios consorciados”, explicou a média Maria Carolina durante a palestra.

O evento
Em dois anos, o Paraná passou de duas para 15 regionais de saúde com o Modelo de Atenção às Condições Crônicas (MACC) em processo de implantação. O projeto desenvolvido no Estado organiza o atendimento a pacientes com diabetes e hipertensão nas unidades de saúde e centros de especialidade. Na última semana, profissionais relacionados ao projeto se reuniram em um seminário em Curitiba para avaliar a aplicação em suas regiões.
O Seminário de Avaliação do MACC dentro do Programa Estadual de Apoio aos Consórcios Intermunicipais de Saúde (Comsus) teve mais de 100 pessoas entre representantes das regionais de saúde, consórcios e Atenção Primária de alguns municípios em processo de implantação do modelo. As avaliações serão feitas com base em uma ferramenta que considera três grandes eixos: a gestão, o processo e o resultado.





Vai divulgar a matéria no seu veículo de comunicação?? Coloca o crédito do texto para: MARCOS JUNIOR 

Veja mais notícias no Facebook: https://www.facebook.com/groups/177792156070124/
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você achou desta matéria???

As Mais Clicadas do Mês!

As Mais Recentes!

Destaque!

Subir