quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Eleição em mais uma cidade da região será definida nos tribunais

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) agendou para as 14h22 da tarde desta quinta-feira (16), o julgamento definitivo do recurso do prefeito de Cambará, José Salim Haggi Neto (PMDB), mais conhecido por Neto, que venceu a eleição municipal por uma diferença de mais de 5 mil votos, mas teve o registro de sua candidatura impugnado em Cambará, decisão ratificada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE), posteriormente referendada no TSE, que há poucos dias da data da diplomação, reverteu a impugnação por decisão monocrática do ministro Henrique Neves da Silva, que acatou uma liminar interposta pelo peemedebista.

O julgamento coloca um final a batalha jurídica que se arrasta desde o início do segundo semestre de 2016, quando Haggi Neto apresentou seu registro no Cartório Eleitoral da 25ª Zona Eleitoral de Cambará. A oposição e o Ministério Público Eleitoral (MPE) apresentaram impugnação sob o argumento de que o então candidato, que foi prefeito da cidade por duas vezes, seria inelegível por conta de uma condenação judicial por decisão colegiada de segunda instância, no caso o Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR).

A impugnação foi acatada pela Justiça Eleitoral local e Haggi Neto recorreu da decisão ao TRE, que novamente impôs derrota ao peemedebista, que, inconformado, buscou guarida em Brasília, no TSE.

Numa primeira avaliação do recurso o ministro Henrique Neves da Silva negou provimento, dando a impressão de que o sonho de voltar à cadeira do Executivo estava arquivado.

Mantendo a confiança de que reverteria a sentença desfavorável Neto apresentou um último recurso ao mesmo julgador, que acatou mandado de segurança, permitindo que o então prefeito eleito fosse diplomado e pudesse assumir a prefeitura no dia 1º de janeiro deste ano.

Agora as atenções se voltam para a tarde desta quinta-feira, quando o caso será julgado por um grupo de ministros do TSE. O prefeito tem se mostrado confiante com base na tese apresentada em última instância de que a sentença do Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR) que o tornara inelegível teria prescrito, fazendo com que o ministro mudasse seu voto. José Salim Haggi Neto , herdeiro político do grupo que por 20 anos teve o mando político de Cambará sob a liderança do falecido ex-prefeito e ex-deputado estadual Mohamad Ali Hamzé, o Mamede, recebeu mais de oito mil votos nas eleições de 2016, numa vitória esmagadora por uma diferença de mais de 5 mil votos contra seu adversário, o ex-prefeito João Mattar Olivato (PSC).

Tranquilidade

Em entrevista no final da tarde de ontem, o prefeito José Salim Haggi Neto mostrou absoluta serenidade, assinalando que está tranquilo com relação ao desfecho deste julgamento de quinta-feira. “O relator do processo, o ministro Henrique Neves da Silva, ao mudar seu voto, reconheceu a legalidade de minha candidatura, cuja vitória esmagadora, com 75% dos votos, demonstra o reconhecimento popular ao trabalho que realizei nas duas gestões à frente da prefeitura”, finalizou.

FONTE: Benedito Francisquini - Jornal Tribuna do Vale


Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você achou desta matéria???

19 Regional de Saúde Abatia Abatiá ACISC AJUDE O LUCCA Alex Canziani Alexandre Curi Alexandre Guimarães Andira Andirá Angra Doce Artigos Assessorados AUDIÊNCIA PÚBLICA Bandeirantes Barra Barra do Jacaré Beto Richa BOM DE BOLA BRASIL CADASTRO Cambara CAMBARÁ CAPS Carlopolis Carlópolis Casas em Cornélio CERTANO CIAS Cida Borghetti CISNORPI CONCURSO Conselheiro Conselheiro Mairinck ConselheiroMairinck Cornélio Procópio CREF Cultural Curiuva Destaque DETRAN EM AÇÃO Diversos Economia Educacao Educação Esportes Evandro Junior Figueira FUTEBOL Governo do Estado Governo Federal Guapirama Ibaiti Itambaracá Jaboti Jacarezinho Jaguariaíva Japira Joaquim Távora JoaquimTavora Jogos Escolares Jundiaí do Sul JundiaidoSul Liberatti LIMITE DE GASTOS Londrina Magda Cristina MARQUES DOS REIS Michele Caputo MOLINIS Nova América da Colina NOVO CAMINHO Núcleo de Educação OFERTA DE CURSOS Online PARANÁ Parceria FAEL Pedro Lupion PHS Pinhalao Pinhalão PLATINA PM Policial Politica Política Projetos Quatigua Ratinho Junior Regiao Região Ribeirão Claro Ribeirão do Pinhal RibeiraoClaro RibeiraoDoPinhal Romanelli Rubens Bueno Salto do Itararé SaltoDoItarare SAMU Santa Cecília do Pavão Santa Mariana Santana do Itararé SantanaDoItarare Santo Antônio da Platina São José da Boa Vista São Sebastião da Amoreira SaoJosedaBoaVista SAP Saúde SEDS Sindicato Rural SAP Siqueira Campos SiqueiraCampos SOMOS CONSULTORIA Tomazina Trânsito Tribunal de Contas UENP VERMELHO Wenceslau Braz WenceslauBraz

As Mais Clicadas do Mês!

As Mais Recentes!

Destaque!

Subir